25 março 2004


Devo dizer que não gostei deste teste que a Beatriz aqui colocou!!! Não gostei de ser considerado de Centro-Esquerda com tendência para o Liberal!!!

EU????????????????????? De esquerda??????????????

Até me deu um arrepio!

Eu vou explicar em que é que eles se baseiam...

Os yankees acham que quem é contra a Pena de Morte, por exemplo, é de esquerda. E que quem acha que o mercado deva ser regulado para não ser a lei da selva também o é. E, acima de tudo, quem não gosta da maneira como eles actuam na sua política externa e interna, ou é louco, ou um perigoso fanático com tendências terroristas ou comunista!

O que acontece é que eles não sabem muito bem o que é a Democracia-Cristã. Em Portugal ou qualquer outro país com a mesma tradição, muitas atitudes até do Partido Democrata seriam inaceitáveis por serem demasiado liberais do ponto de vista económico.

Então aqui vai a minha opinião para este blog de algumas características fundamentais para um bom Democrata-Cristão:

- O Democrata-Cristão acha que a economia aberta de mercado é a que proporcionará maior liberdade e melhor nível de vida às pessoas, mas não é por isso que confia cegamente nela para promover um melhor bem estar para toda a população; por isso acredita que ela necessita de uma correcções, sendo estas fundamentais para uma sociedade equilibrada.

- O Democrata-Cristão acredita que a vida humana é um valor fundamental a preservar em todos e quaisquer casos, seja o da criança por nascer, seja, o do doente terminal ou idoso, seja, até, o do assassino e violador em série. E a essa vida deve ter sempre assegurada não só a sua continuidade como também a sua dignidade.

- O Democrata-Cristão é sempre ecologista, porque acredita que a melhor maneira de desenvolver, é arranjar um equilíbrio entre as necessidades das pessoas e as da Natureza para que, a médio prazo não venham todos a perder; por isso tem uma visão eco-cêntrica do mundo, percebendo que o facto de o Ser Humano ser a espécie animal mais poderosa, não lhe dá maior domínio mas maior responsabilidade.

- O Democrata-Cristão põe a terra e os demais meios de produção ao serviço do homem e da comunidade e não apenas de um conjunto de privilegiados; por isso, ao invés de ser um privilégio, esses meios de produção devem também ser considerados como uma responsabilidade de quem os detém para com os demais. E se essas pessoas não percebem naturalmente isso, o estado deve assegurar uma regulação que, de certa forma o imponha.

- O Democrata-Cristão acredita nas pessoas e na sua capacidade criativa para o desenvolvimento, por isso considera que as Liberdades política, religiosa e social são bens a serem protegidos.

- O Democrata-Crsitão é patriota. Acredita que existe uma noção de pátria que é mais do que um conjunto de pessoas que nasceu no mesmo espaço de terra e se auto-governa. A Pátria é daqueles que são, que foram e que serão numa continuidade histórica e social que deve ser acarinhada e desenvolvida.

Como eu disse, esta é sómente a minha opinião. Nada disto é novidade, nada disto foi inventado ou sequer desenvolvido aqui por mim ou por quem quer que seja. É um conjunto de ideias muito pragmáticas que se foram instalando ao longo de séculos na nossa sociedade europeia e que provam ser as melhores soluções, precisamente porque, uma vez que não foram inventadas por ninguém, foram sendo aperfeiçoadas por muitos milhões de pessoas.

 

Como não podia deixar de ser, em dia de eleições na Concelhia... Que ganhe a melhor lista!

Na minha opinião a nossa é a melhor (como é óbvio, porque senão não estava nela) e espero que essa opinião seja maioritária, mas se não fôr, espero que a outra lista possa ser verdadeiramente... DEMOCRATA-CRISTÃ!

 

Alcoutin